×
Eu Não Desisto

Jesse aguiar

Foi em questão de segundos
Eu fui atingido, em sequência eu caí no chão
De cara logo percebi que o meu coração
Entrou em desespero e acelerou

Eu tinha que levantar
Mas eu tava ferido e sem forças para continuar
Então um lugar bem mais seguro eu fui procurar
Dei três passos, mas com muita dor
Eu voltei pro chão

Mas em meio a batalha um homem apareceu e deitou do meu lado
Agitou o meu corpo e notou que eu estava muito machucado
Eu tava abatido, sangrando, com sede, com fome, com medo
E Ele segurou minha mão, ficou bem do meu lado o tempo inteiro

E a cada suspiro que eu dava, Ele vinha e falava: Não é pra dormir
Me deu um pouco de água, um pedaço de pão pra poder prosseguir
Me disse com tanta firmeza: Ninguém vai morrer, ninguém vai desistir
E Ele olhou nos meus olhos, com tanto amor, me disse assim

É que eu não desisto de você, Meu filho
E se for preciso
Eu entro no meio da guerra só para te lembrar
Que nunca desisto de você, Meu filho
E se for preciso
Eu entro no meio da guerra só para te ajudar
Se apoie em meus ombros, não solta, nós vamos lutar

Mas em meio à batalha, ele apareceu e deitou do meu lado
Agitou o meu corpo e notou que eu estava muito machucado
Eu tava abatido, sangrando, com sede, com fome, com medo
E Ele segurou minha mão, ficou bem do meu lado o tempo inteiro

E a cada suspiro que eu dava, Ele vinha e falava: Não é pra dormir
Me deu um pouco de água, um pedaço de pão pra poder prosseguir
Me disse com tanta firmeza: Ninguém vai morrer, ninguém vai desistir
E Ele olhou nos meus olhos, com tanto amor, me disse assim

É que eu não desisto de você, Meu filho
E se for preciso
Eu entro no meio da guerra só para te lembrar
Que nunca desisto de você, Meu filho
E se for preciso
Eu entro no meio da guerra só para te ajudar
Se apoie em meus ombros, não solta, nós vamos lutar

Se apoie em meus ombros, não solta, nós vamos lutar
Nós vamos lutar, nós vamos lutar
Se apoie em meus ombros, não solta, nós vamos lutar